O amor tem fim

O amor suporta tudo! Esta frase que está descrita até na Bíblia, é um dos temas mais comentados entre as pessoas que estão em busca do amor verdadeiro. Para elas, o amor é um sentimento tão forte e acima de tudo, que aguenta qualquer situação. Mas será mesmo?

Nem sempre. Traições, mentiras, falta de comunicação, desprezo e indiferença são alguns dos motivos que podem fazer deste sentimento tão íntegro, algo que desvanece e fica no passado. Mas além deles, existem outras situações que podem ser fatais para que o amor diminua e por fim se acabe.

Indiferença

A indiferença é uma das características mais gritantes que o relacionamento não vai bem. Não se importar, não admirar e nem ver qualquer beleza no outro é um dos maiores pontos de negatividade dentro de um coração que já não carrega o amor pelo outro.

Quando um casal é indiferente as necessidades e interesses do outro, quando o tanto faz começa ser uma realidade na relação de vocês, então é preciso que esse relacionamento seja analisado e tratado, principalmente se ainda existe alguma possibilidade de fazer dar certo.

Falta de carinho e atenção

As carícias, o dizer que te ama e que está linda e ver nos olhos do outro a intenção e vontade de estar ao seu lado, quando tudo isso deixa de existir, pode ter certeza que o amor acabou ou está perto do fim.

A frieza e distanciamento em uma relação, não podem jamais ser algo permanente. Demonstre o que sente, toque e surpreenda a outra pessoa com seu melhor sorriso e trate com carinho…não deixe de dar afeto.

Outro ponto que faz o amor se exaurir é a falta de atenção. Se ele não percebe suas vontades, não liga para o que você faz e nem tem apreço por falar contigo sem olhar no celular, é preciso ver se esse relacionamento tem futuro, pois quando acontece isso com certa regularidade, não existe grandes chances desse amor continuar em frente.

Impaciência e se irritar com facilidade

Pessoas impacientes, que não suportam conversar e nem ter atitudes de tolerância contigo, é por que o interesse já não é mais o mesmo. Se ir em um local público é sempre razão para o outro não ter vontade de esperar suas escolhas, só é considerado falta de amor quando este espera que você tenha a paciência com ele que ele mesmo não possui.

Outro fato que demonstra a falta de amor, e esse pode ser ainda mais claro é a irritabilidade. Um casamento por exemplo, onde um cônjuge não pode dizer nada que o outro já explode, não pode ser considerado um relacionamento com amor e sim algo que vai se desgastando até alguém pular fora. Preste atenção a suas emoções e temperamento, pois magoar o outro profundamente, pode ser a gota d´água para o fim de tudo.

Imaturidade

A imaturidade de um dos lados, pode matar completamente qualquer união. Estar com alguém que não sabe ser emocionalmente forte, que age como um bebê mimado ou que não se responsabiliza por seus próprios erros mas só sabe culpar o outro e dizer coisas que entristecem, se mostra alguém que precisa crescer não só como pessoa mas dentro da relação.

Lembre-se que o amadurecimento não tem nada a ver com a idade cronológica mas sim com a forma como você lida com as outras pessoas, consigo mesmo e diante das situações, pensando e agindo de forma íntegra e firme, não se deixando ferir e não ferindo ninguém. Pense bem nas suas atitudes na hora da insensatez.

Não se dedicar ao outro

´´Quem não dá assistência acaba perdendo a preferência e abre lugar para a concorrência.“ Esse ditado popular é bem pertinente para a falta de dedicação dentro de um relacionamento.

Quem não se importa com o outro, com a relação, acaba sendo egoísta e olhando apenas para as próprias necessidades, esquecendo-se de valorizar aquele que sempre lhe quis bem. Não saem mais, não fazem nada juntos e começam a se distanciar de uma forma tão grande, até que o próximo passo é simplesmente oficializar o término…a dedicação é vital para que qualquer relacionamento continue firme e feliz.

Ciúmes exagerados

Achar sempre que tem uma terceira pessoa na relação não é saudável, principalmente quando todas as evidências é de que essa pessoa não existe. O ciúme exagerado pode fazer com que brigas desnecessárias aconteçam e com o tempo, fazer com a pessoa alvo do ciúme, comece a pensar em dar mesmo motivo e se envolvendo mesmo com alguém. Pense bem antes de fazer acusações infundadas e acabar com um relacionamento que apenas passa por uma crise curável.

Traição

Um dos maiores problemas dos relacionamentos é quando a traição se faz presente. Ter a revelação de que a pessoa que dedicamos nosso amor nos engana com outra pessoa é sem dúvida uma das maiores dores emocionais que podemos sentir.

Mas calma, procurem dialogar e ver até que ponto essa situação foi forte o suficiente para não haver perdão e a continuidade do relacionamento. Existem muitos casais que passaram por esse problema e conseguiram superar e até se tornarem um casal mais forte.

Se a traição foi algo que pra você não tem mais como continuar, pelo menos perdoe e terminem o relacionamento em paz, sem mais dores e consequências ruins. Procure dar um tempo para você e não deixe que esse acontecimento te afaste da possibilidade de ser realmente feliz no amor.

O amor é uma decisão, lute por ele se ainda tiver esperança

Se existem chances da relação ir para frente, se ainda existe amor então lute! Não desista de uma pessoa incrível que possa estar passando por algum estresse e por isso não tão atento como antes. Não deixe de lado e nem seja indiferente como o outro, sente e converse sobre essa situação.

Não deixe que as brigas os afastem, não deixe que a falta de comunicação tire o interesse mútuo um no outro. Lute por esse relacionamento se ainda existem possibilidades que façam vocês continuarem juntos e principalmente se ainda existe o amor…se existe, não desista!

Eu, Catarina, sempre indico aos meus leitores o livro de um grande amigo meu, chamado Nicholas Johnson. Caso você não o conheça, você logo saberá mais sobre ele. Como a maioria dos temas que escrevo se trata da Lei da Atração, o livro também entra nesse tema.

Nicholas escreveu um livro muito completo, com exercícios e conhecimentos poderosos e nunca antes mostrados sobre a poderosa Lei da Atração e os benefícios que ela trás para nossas vidas.

Como eu sempre indico para meus leitores, dessa vez não farei diferente. Caso queira começar a praticar tudo que ele ensina e aprender a fazer o universo conspirar a seu favor, clicando aqui você responde um rápido quiz, dessa forma eu saberei se você realmente quer descobrir os ensinamentos poderosos de Nicholas Johnson.

One Response

  1. paulo cesar pegoraro 14 de Fevereiro de 2018

O que achou do artigo?