Dicas para elevar seu dia

A gente sabe que tem dia que bate um desânimo, que não dá nem vontade de se levantar da cama e ir para nossa luta diária. Sempre que essa sensação de desânimo ocorrer, é interessante que nos perguntemos de onde isso vem. O que estamos de fato querendo de nós mesmos?

Essa falta de energia pode ser uma reação inconsciente contra nossa própria inércia de correr atrás do que realmente queremos por falta de coragem, por medo de sermos ousados.

Então que tal começar o seu dia se perguntando “o que eu quero para minha vida hoje? O que eu poderia fazer para tornar esse dia bem vivido? e fique atento para ouvir quais respostas o seu interior irá lhe dar.

Converse consigo mesmo

Sempre que perceber que seus dias não têm sido prazerosos, reserve um tempo para dialogar consigo mesmo e buscar respostas dentro de você, procurando saber de si quais são seus verdadeiros objetivos, o que gostaria de realizar e se isso foi alcançado. Comece fazendo uma listinha sobre como sua vida deveria estar para que você estivesse se sentindo bem.

Provavelmente essa é uma das melhores maneiras de descobrir as causas do desânimo porque irá lhe dar um norte sobre o que deve ser feito depois de ter descoberto a causa.

Ponha em prática as respostas que obteve

Você já teve aquela conversinha de pé de orelha consigo mesmo e descobriu que precisa mudar algo para adquirir maior qualidade de vida. Então mude, tendo apenas o cuidado de planejar muito bem essa mudança.

Não é porque você percebeu que precisa tomar uma atitude em sua vida que isso deverá acontecer de supetão, sem planejamento.

Então se percebeu que precisa de um redirecionamento profissional, verifique quais são as possibilidades de você se inserir em um novo emprego.

Procure observar também se suas finanças são suficientes para se manter enquanto não consegue decolar em outro seguimento profissional.

Também procure ver se é possível, dentro da sua realidade, concretizar seus objetivos para que eles não deixem de ser um sonho para ser um delírio. Lembre-se: até os riscos devem ser planejados.

Todo esse cuidado evitará que você futuramente seja vítima de uma escolha mal planejada.

Invista na mudança que acha que precisa

Agora que você já detectou o que precisa mudar, está na hora de fazer a coisa acontecer. Lutar por um objetivo pode dar um sentido à sua vida, fazendo que cada dia de batalha seja um novo desafio rumo à vitória.

Então se decidiu que quer mudar de país, comece a aprender a língua falada lá, veja quais as chances de ter a vida que deseja nesse novo lugar. Caso não consiga realizar seu sonho, frustre-se (é normal), mas não se permita permanecer eternamente frustrado.

Experimente mudar de foco. Afinal, o melhor da vida são suas inúmeras possibilidades.

Experimente quebrar a rotina

Às vezes a rotina nos massacra, nos deixando com aquela sensação de tédio. Então que tal se reunir com seus amigos para fazer algo inusitado nem que seja uma coisa simples como se reuni-los em plena segunda-feira para simplesmente preparar aquela receita nova para eles e jogar conversa fora, despretensiosamente?

Às vezes fazermos algo estranho a nossa rotina  faz a gente se sentir melhor, mais leve, aliviando de nossos ombros e consciências aquela sensação de que estamos presos a um ciclo de obrigações diárias chamado rotina.

Tenha uma válvula de escape saudável

Sempre que perceber que as obrigações diárias estão o levando ao limite, procure uma atividade para a qual você possa direcionar de forma saudável toda essa tensão.

Há pessoas que se aliviam do estresse mexendo com terra, outras pintando, dançando, cantando, meditando, fazendo caridade, transando, praticando exercícios físicos, etc. Descubra a sua própria forma de se acalmar. Todo mundo precisa se distrair da dureza da vida.

Resolva as suas pendências emocionais

Relacionamentos sejam eles amorosos, familiares ou de amizade quase sempre podem gerar tensões muitas vezes difíceis de serem administradas. Nem sempre temos a coragem necessária para enfrentarmos nossas dificuldades emocionais com o outro de frente, deixando claro para ele quais são os nossos limites.

Em casos como esses, é natural que um turbilhão de emoções negativas fermentem dentro de nós, comprometendo a qualidade do nosso dia a dia. Então que tal colocar tudo em pratos limpos, falar do que o incomoda e, caso seja necessário e possível, passar até mesmo a evitar essas relações?

Por todas essas emoções para fora irá elevar o seu dia, pois o deixará com uma sensação de vitória por ter conseguido expor para o outro aquilo que lhe causava desconforto emocional.

Tenha pensamentos positivos

Imagine sempre o melhor para si mesmo. Pensar negativamente poderá deixá-lo ansioso ou prostrá-lo no conformismo. Então pense sempre positivo. Isso fará com que você desenvolva atitudes igualmente positivas e condizentes com aquilo que você deseja para si.

Sabemos que, para pessoas com determinados históricos de vida, é mais difícil pensar positivo, sendo essa uma limitação não da pessoa, mas imposta pelo meio e introjetada por ela.

Assim, adultos que foram verbalmente abusadas na infância, ouvindo de pessoas afetivamente importantes para eles que não prestavam, não faziam nada direito raramente conseguirão ter um juízo positivo acerca deles mesmos, tendo maior dificuldade em acreditar que são dignos de que coisas boas lhes aconteçam.

Para essas pessoas, sugiro que procurem um apoio profissional que as ajudem a enxergar que a vida é um longo caminho cheio de possibilidades e que elas poderão tomar a direção que quiserem.

O que eu posso fazer para elevar meu dia?

Sempre que se sentir desmotivado e sem ânimo para viver mais um dia, pergunte para si próprio o que poderia fazer por você mesmo para elevar o seu dia. Quando você parar para se escutar, certamente descobrirá quais são as suas reais necessidades.

Ninguém melhor do que você para saber do que precisa. Então desenvolva mais intimidade consigo mesmo a ponto de tomar a liberdade de se perguntar “o que eu posso fazer para elevar o meu dia”?

Eu, Catarina, sempre indico aos meus leitores o livro de um grande amigo meu, chamado Nicholas Johnson. Caso você não o conheça, você logo saberá mais sobre ele. Como a maioria dos temas que escrevo se trata da Lei da Atração, o livro também entra nesse tema.

Nicholas escreveu um livro muito completo, com exercícios e conhecimentos poderosos e nunca antes mostrados sobre a poderosa Lei da Atração e os benefícios que ela trás para nossas vidas.

Como eu sempre indico para meus leitores, dessa vez não farei diferente. Caso queira começar a praticar tudo que ele ensina e aprender a fazer o universo conspirar a seu favor, responda este rápido quiz, dessa forma eu saberei se você realmente quer descobrir os ensinamentos poderosos de Nicholas Johnson.

O que achou do artigo?