Descubra como desenvolver sua autoconsciência

No processo de transformação pessoal, a Autoconsciência, é uma das maiores necessidades que temos que ter e a que mais deve ser desenvolvida ao longo da vida. Autoconsciência, se refere a se conhecer melhor interiormente e entender como você reage a inúmeras situações, aprende a reconhecer suas falhas e a se corrigir rapidamente.

A Autoconsciência requer um cuidadoso tempo de estudo do seu próprio eu, que engloba uma série de mudanças, novos hábitos e processos de amadurecimento, que são transformações que trazem mais equilíbrio para nossas vidas. Veja nossas dicas para você desenvolver sua autoconsciência de forma consistente e conseguir expressar e sentir melhor a si mesmo.

Autoconsciência emocional

Entender exatamente o que está se passando em seu interior, sabendo principalmente como deverá reagir e atingir o seu objetivo final, são exemplos de autoconsciência emocional. Nossas emoções regem nosso íntimo mas devemos tomar cuidado quanto ao domínio que elas tenham de nossa vida.

Todas emoções, quando não controladas, exercem sobre nós uma força que pode se tornar negativa, principalmente se não houver um equilíbrio. A Autoconsciência emocional nos ajuda a entendermos os que estamos sentindo e saber como lidar com essas emoções de forma segura e equilibrada, na medida certa.

Emoções desconhecidas

Existem emoções que nos são desconhecidas, ou seja, algo que nunca sentimos. Porém além desse ponto de desconhecimento, também existem emoções que são incógnitas na forma como a identificamos dentro de nós. Por exemplo, as vezes um medo pode ser algo tão sutil, que não conseguimos classificar como medo mas um certo receio ou preocupação.

Em geral, todas as pessoas sabem identificar e classificar algumas emoções básicas como felicidade, tristeza, raiva ou alegria. Mas mesmo essas emoções, possuem emoções mais complexas atreladas a elas como a melancolia, a excitação e ódio.

Emoções como a paixão, geralmente são caracterizadas como ´´borboletas no estômago“ e as vezes, é uma dificuldade para a pessoa reconhecer que está apaixonado. A Autoconsciência pode ser melhor explicada, se todos nós aprendermos o que cada emoção nos faz sentir e como expressá-la em forma de palavras.  

Aprenda a ser sensível as suas emoções

Quando estamos em busca do desenvolvimento de nossas emoções através da autoconsciência, primeiramente devemos estar abertos e sensíveis a cada emoção e sensação que tivermos no momento.

Observar como reage a atitude egoísta de alguém ou como lida com suas próprias ações, são bons indicadores que está compreendendo seu interior e sendo mais sensível a si mesmo.  

Entenda o valor das emoções negativas

Apesar de seres negativas, algumas emoções como a raiva, a tristeza, a frustração, as decepções e o medo, podem ser algo bastante positivo também. Esses sentimentos desagradáveis, muitas vezes são como alertas em nossa consciência, nos fazendo refletir onde estamos errando e como corrigir e melhorar.

As emoções negativas são fundamentais para nosso amadurecimento, ainda que não seja algo satisfatório. Elas exercem sobre nós o poder de não permitir que continuemos a errar mas aprender com essas falhas. Essas emoções só se tornam nocivas, quando não conseguimos e somos dominados por elas. O importante é evitar os extremos.

Observe suas escolhas

Qual o sabor de fruta que você mais gosta? Qual a cor que mais te agrada? O que você não gosta de jeito nenhum nas atitudes de uma pessoa? Estes são exemplos de questões que pessoas nos fazem e que nós fazemos a nós mesmos, quando estamos em um processo de autoconhecimento e consciência.

As nossa escolhas são frutos de nossa autoconsciência. Quando nos conhecemos bem, sabemos dizer não para aquilo que nos desagrada e sim para coisas positivas. Nos sentimentos novos, se autoanalisar, será a melhor forma de tomar decisões acertadas e que não prejudique sua vida.

Faça as malas e boa viagem!

Viajar é um bom exemplo de um momento de autoconsciência que desenvolve todos os sentidos e potencializa o autoconhecimento interior. Quando viajamos, colocamos o estresse e preocupações de lado, dando atenção e foco totalmente em si mesmo.

É um momento de relaxamento e que pode ser a oportunidade de entender suas emoções mais complexas e profundas.

Além disso, conhecer novos lugares, pessoas e sentir o cheiro e sabor de outros alimentos, despertam em nós sensações únicas e até primitivas, que levam nosso consciente a se expandir ainda mais.

Faça mudança de hábitos

Pequenas mudanças como dormir mais cedo para acordar cedo, comer de modo correto e sorrir mais e começar a meditar por exemplo, são hábitos que podem mudar nossa percepção da vida e fazer-nos viver muito melhor. O simples fato de mudar a forma como vê uma pessoa ou busca ânimo em situações difíceis, podem ser o resultado de um desenvolvimento positivo da própria consciência.

A autoconsciência está completamente atrelada a nossa forma de viver, pois se vivemos de maneira errada ou com maus costumes, logo teremos uma autoconsciência deturpada e confusa, sem o desenvolvimento real e necessário.

Esteja preparado para desafios

Desenvolver a própria consciência não é tarefa fácil. Aprender a sentir, a escolher, a se observar, a se aceitar e principalmente a entender suas emoções são desafios grandes para pessoas que estão começando a se conhecer interiormente.

Vá devagar, não cobre a si mesmo por não estar sabendo identificar alguma emoção, apenas sinta e procure comparar com outros sentimentos que já teve anteriormente. Analise suas emoções com cuidado. A autoconsciência é um processo longo que leva toda vida, portanto saiba que esse desafio será um aprendizado constante e enriquecedor.

Faça atividades que ajudam a refletir

A melhor forma de desenvolver a nossa autoconsciência, é buscar atividades que nos ajudem a refletir com mais clareza a respeito de nossas vidas. Escrever uma carta, ouvir uma música ou conversar com um amigo muito íntimo, são atividades que auxiliam em nosso processo de autoconhecimento.

As atividades físicas também, podem ser exemplos de atitudes de reflexão. Corrida e caminhada por exemplo, além de benéficas a saúde, podem ser um momento tranquilo e solitário, em que conseguimos nos encontrar com nosso eu interior. Invista nesses momentos especiais com você.

Gostou de saber mais como desenvolver seu consciente? Comente, curta e esteja ligado em nossos artigos, sempre relevantes para você.

O que achou do artigo?

17 Exercícios para ATIVAR a Lei da Atração em sua vida, receba já:

x